Depois dos contos… Crônicas. De tarot.

11741030_10205659317616255_7472573431435335900_o
Depois de fazer todo o conteúdo… ufa!
O exercício de fazer os contos para o concurso “Brasil em Prosa” me deu um gás tremendo para colocar um outro projeto no papel – ou no processador de texto. Um livro com crônicas sobre leituras e entendimentos sobre os arcanos maiores do tarot.

Ele foi escrito porque eu acredito em crônicas. Os textos que contam sobre o cotidiano, os entendimentos da vida e registram esse tempo são extremamente envolventes. Para mim, pelo menos. Lendo as tantas do Fernando Sabino algumas do Drummond e suas análises da época que viveram mostram que esse tipo de texto, além de contar histórias – que podem misturar realidade e ficção – fazem uma análise do que envolve o momento. O gênero me pegou de um jeito, porque, no fundo, essas coleções de crônicas do Sabino, por exemplo, seriam como um delicioso blog para ler. Um arcabouço de causos.

É… crônica é causo. Então, por que não escrever causos de leituras de tarot e leituras de cartas? Imaginei que seria uma forma interessante de abordar as cartas e perceber seu significado acontecendo no dia a dia. Um livro para estudar o tarot fora da mesa de leitura.

Em 2011/2012, escrevi a maioria das crônicas num caderno. Digitei todas. Fiz as que eu ainda não tinha. Coloquei dicas de livros. Explorei os métodos de leitura usados nas crônicas. Sugeri alguns exercícios.

Li. Reli. Rescrevi. Editei. Ajeitei… depois que eu me convenci que terminei de escrever, deixei o livro de lado por um tempo. Preciso chegar nele de novo com um olho fresco para ver as bobagens que ainda estão soltas no texto.

Quando eu achar que vale a pena, vou lançar pela Amazon. Assim, fica disponível online para quem quiser baixar e ler.

Foi um processo gostoso de fazer.

Eu li, enquanto estava no processo, que “quando não temos inspiração para criar, devemos trabalhar”. Fato. Fazer uma obra precisa de suor. E algumas boas palavras.

Em breve, conto mais sobre essa brincadeira boa de ser autora indie (independente).

Pietra

Ps. Se alguém tiver alguma sugestão sobre o que gostariam de encontrar num livro de tarot, conta pra mim!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s