Embelezar-se

Eu venho pensado bastante sobre esse assunto… e como ele pode ser ladeado por diversos pontos de vista, do mais frívolo até o mais biológico… ou psicológico.

Não é segredo para ninguém que me conhece mais de perto que eu adoro programas de “make over“, principalmente os do estilo “What not to wear“. Na verdade, eu assisto esse tipo de coisa desde 2003. Tenho alguns livros sobre o assunto, fiz curso de personal styling. É óbvio que as pessoas se representam internamente pelo que veste e o que fazem. É mesmo o estilo de vida das pessoas e sempre que pensamos em uma roupa – seja para ir ao mercado, para trabalhar, para sair etc etc etc – fazemos opções de estilo e que passam uma mensagem sobre si. Por exemplo, por mais que eu goste de me arrumar conta-se nos dedos de uma mão as vezes que eu saí de salto alto. Baixa estima? Não. Praticidade. Imagina, por exemplo, trabalhar na Ed. Infantil de salto… e isso acaba criando uma forma de fazer, afinal de contas, meus sapatos acabam sendo 99% baixinhos, rasteirinhas… até pra sair.

O mesmo acaba valendo para cabelo, unha, maquiagem. Todas as nossas escolhas mostram o que somos, o que gostamos. Reflete personalidade e claramente, acabam atraindo olhares de quem se identifica com isso, com elogios que gostamos e de quem não se identifica e descarta ou critica. E isso é ok.

Disso tudo, eu acredito tanto em busca de identidade quanto em uma forma de encaixar-se ou não em um grupo social. A forma com a qual nos apresentamos reflete as nossas crenças, jeitos de fazer. Sem dúvida, por vezes, podemos apelar para o fake it until you make it. Ou seja, criamos alguns papeis e alguns jeitos de aparecer – novamente, para passar uma mensagem.

Penso que as mulheres buscam as tantas formas de embelezar-se para colocarem-se. Sejam os grandes uniformes sociais – calças X, cabelos Y e elementos que se popularizam e acabam criando uma horda de pessoas “iguais”. Talvez por acreditarem que isso seja o certo para enquadrarem-se. Talvez por ser a única opção que se encontre.

De tudo o que eu acredito é que não podemos acusar ninguém por isso: é culpa dos homens… é culpa da sociedade… é culpa da industria têxtil. Tá, pode até ser que a última seja mais gritante, mas é uma questão de abrir os olhos e perceber o que funciona e o que não funciona e trabalhar o dito bom senso para fazer suas escolhas. Eu, em uma calça de cintura baixíssima? Não… gerarei mais pneus que a Pirelli.

Pode ser que a busca pela beleza seja uma forma de instantâneo prazer, de satisfação, de olhar-se e gostar-se. De achar que estar sempre bonita é uma forma de felicidade. Quantas vezes nossos corpos ou número de roupas acabam se tornando um parâmetro de felicidade? Agora, quantas vezes, fazer o melhor do que somos pode se tornar aquele reflexo de sentir-se bem?

Eu não acho que as mulheres vão deixar um dia de simplesmente de buscar a beleza. De mostrarem-se bonitas. O que eu penso ser importante é o cuidado para não cair nas “forminhas” sociais e perceber que, não encaixando-se neles, entristecer-se.

Eu sinto que tudo que fazemos por nós, seja a maquiagem, os esmaltes, as roupas, são uma forma de criar sobre uma tela. Algumas têm uma tela larga, outras, compridas e por aí vamos.

Só acho que não podemos nos deixar levar pelo que não faz sentido… ou pelo que é “imposto”. Ditadura da magreza. Ditadura do cabelão. Do liso, do loiro… Diante do espelho, sempre se pergunte: do que eu gosto DE VERDADE?

Limpar o armário, ter a maquiagem que acompanhe tudo isso, os esmaltes, os sapatos, o cabelo… é tão libertador!

Pietra

Advertisements

One thought on “Embelezar-se

  1. eu concordo com você! embora sempre estejamos inseridos em algum contexto, por mais original que pareça, nosso visual fala por nós. e temos todos que ter primeiramente conhecimento sobre nós mesmos para entender do que gostamos e depois noção sobre o que fica bom ou não. com isso em mente, abrem-se um milhão de possibilidades! que nós librianas vamos amar, né, diga-se de passagem! =)

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s